TERCEIRIZAÇÃO TOTAL

14 E 15 DE AGOSTO  –  MACEIÓ/AL

OBJETIVO

  • Proporcionar aos participantes uma visão ampla das possibilidades da prática da Terceirização, a execução indireta de atividades do Estado, bem como para a Iniciativa Privada e capacitá-los para a sua prática, a denominada Terceirização Total, se conveniente e com a necessária segurança jurídica e econômica.

PÚBLICO ALVO

Gestores de diversas formações, inclusive e demais colaboradores que atuam direta ou indiretamente em setores de planejamento e contratações, Empresários, Diretores, Presidentes, Prefeitos, Juízes, Ministério Públicos, advogados, economista, administradores, assessores jurídicos, procuradores, agentes do controle interno e externo, Servidores públicos federais, estaduais e municipais, de fundações, autarquias, ONGs e OCIPs, profissionais que preparam documentação, orçamentos e propostas para contratação de serviços terceirizados, aqueles que necessitem de sólidos conhecimentos sobre a matéria ou desejam atuar na área de licitações e contratos administrativos. Membros das comissões de licitações e apoio a pregoeiros, profissionais que atuam nos departamentos de controle e gerenciamento de contratos, agentes envolvidos no planejamento e processamento de documentos técnicos, administrativos e jurídicos para a licitação, pregão, SRP, contratação direta, gestão e fiscalização de contratos de serviços. Gestores de Contratos, de diversas formações, inclusive e demais colaboradores que atuam direta ou indiretamente em setores de planejamento e contratações.

INTRODUÇÃO

A Terceirização no final de 2018 passou por um salto quântico, ainda não percebido em sua amplitude, antes restrita às atividades meio, agora, se estende às atividades fins organizacionais.

Na Administração Pública, após a decisão do STF, foi editado o Decreto 9.507/18 e regulamentação, não exaustiva pela Portaria n. 443/18 do Ministério do Planejamento que permitem a Terceirização ampla.

O Objetivo final é flexibilizar as organizações para obtenção de maior eficiência, em todos os sentidos – e, em principal, contribuir com a redução gigantismo da máquina pública e reservar ao Estado somente aquilo que a sociedade civil não oferece, com ressalvas das careiras de estado.

Nas empresas Estatais a possibilidade é ampliada. Poderão ser entregues a terreiros mesmo nas atividades estratégicas, desde que fundamentada na vantajosidade econômica e ganhos de competitividade.

A legislação e Judiciário abrem as portas para um futuro, ainda não dimensionado em possibilidades de extensão.

iconpdf

Acesse o conteúdo completo do evento fazendo o download do PDF.

CARGA HORÁRIA

16 HORAS

INVESTIMENTO

R$ 2.990,00

POR PESSOA. CONSULTE CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA GRUPOS.

INCLUINDO

CERTIFICADO COM REGISTRO EM CARTÓRIO, PASTA, CANETA, LAPISEIRA, MARCA TEXTO
04 COFFEE BREAKS

PALESTRANTE

jeronimo-profe

JERÔNIMO LEIRIA

Reconhecidamente o pioneiro e mais requisitado especialista brasileiro em Terceirização Pela densa defesa da prática, criação de artigos, livros sobre o tema é o responsável pelo neologismo Terceirização integrar nosso vernáculo. A palavra foi publicada pela primeira vez no Brasil em 1991. (prova notoriedade)
Pela importância e repercussão nacional, o processo em que atuou, vitoriosamente, na defesa da prática da Terceirização recebeu o emblemático e histórico do selo no 1 do Memorial do TRT da 4ª Região, em outubro de 2007.
É advogado especializado em Direito Civil graduado pela UNISINOS e em Recursos Humanos pela FGV/SP, com destacada atuação em atividades jurídicas de caráter não contencioso para a redução de passivos empresariais. Presta serviços de consultoria para empresas, com atuação nos ramos do Direito Civil, Administrativo e do Trabalho.
Autor do primeiro e mais vendido livro sobre Terceirização do Brasil. Coautor dois primeiros livros sobre gestão de contratos, um direcionado a Administração Pública e outro para a Iniciativa Privada. É autor de outros 10 títulos, entre as mais expressivas obras sobre a Terceirização e suas decorrências, como o gerenciamento de contratos.
Foi um dos raros profissionais brasileiros a serem recebidos pela Suprema Corte Japonesa, em missão oficial de estudos e é Professor no grau de pós-graduação e extensão universitária, em diversos cursos de Direito e Administração de Recursos Humanos. Responsável Técnico da equipe da contratação, por inexigibilidade, de elaboração do RILC – Regulamento Interno de Licitações e Contrações da ALGÁS – Gás de Alagoas A.S., SCGÁS e BAHIAGÁS.(prova notoriedade)
Contratado por inexibilidade para redação do Manual de Gestão e Fiscalização de Contratos do Município do Recife, contratado por licitação técnica e preço pelo Estado da Bahia para a redação do Manual de Gestão de Contratos da SAEB, contratado por licitação técnica e preço para redação do Manual de Fiscalização de Contratos da SAEB, contratado, por duas vezes, por inexibilidade para redação do Manual de Gestão e Fiscalização de Contratos do Poder Judiciário do Estado da Bahia, bem como 16 (dezesseis) cartilhas operacionais das atividades de gestão e fiscalização de contatos, separadas por participação do pessoal envolvido em contratações e gestão de contratos, por exemplo: preparação de projeto básico, pesquisa de preço, entre outros. (prova notoriedade)
Coordenou a equipe técnica que criou as normas de fiscalização e de gestão de contratos de serviços – Terceirização – do Estado da Bahia, bem como a redação dos respectivos manuais de fiscalização e gestão de contratos e treinamento de mais de mil servidores para tal finalidade. (PROVA DE NOTORIEDADE NO TEMA).
Coordenador Técnico na contratação, por inexibilidade, para criação e redação do Regulamento Interno de Licitações e Contratos Algás – Gás de Alagoas S.A. e BAHIAGÁS, em decorrência da Lei 13.303/2017, entre outras atividades. Contratado por inexigibilidade pela SCGÁS, para avaliação de seu Estatuto de Licitações e Contratos, em face a Lei 13.303/16.

INVESTIMENTO

R$ 2.990,00

(dois mil, novecentos e noventa reais)

A cada 4 inscrições nesse treinamento, efetuadas pelo mesmo órgão e vinculadas a mesma fonte pagadora, a Con Treinamentos concederá cortesia para uma quinta inscrição.

Pagamento:

A inscrição poderá ser efetuada pelo telefone (41) 3376-3967 , através do e-mail contato@contreinamentos.com.br ou pelo nosso site www.contreinamentos.com.br

O pagamento deverá ser realizado em nome de ConnectON Marketing de Eventos Ltda, CNPJ nº 13.859.951/0001-62 em algum dos seguintes bancos:

BANCO BRADESCO
Ag. 3200 – C/C 7760-7

BANCO DO BRASIL
Ag. 3041-4 – C/C 125.211-9