Cerimônia de premiação destaca a importância do servidor público para a sociedade brasileira

No Dia do Servidor, Ministério da Economia homenageia os que se destacaram em 2021 com a entrega de certificados e placas

O Prêmio de Reconhecimento Profissional 2021 do Ministério da Economia, concedido durante solenidade realizada em Brasília, na tarde de quinta-feira, 28 de outubro, Dia do Servidor Público, contemplou quatro categorias: Jubileu de Ouro e Jubileu de Prata, para os servidores com 50 e com 25 anos de serviço público respectivamente; Desempenho Funcional, que contemplou servidores que se destacaram por suas competências técnicas e comportamentais, agregando eficiência e qualidade ao serviço público; e Ideias Inovadoras, categoria que reconheceu os servidores pela atuação criativa e inovadora em benefício do interesse público.

A cerimônia, realizada no Centro de Eventos Unique Palace, contou com a participação de autoridades da Pasta, e do recém criado Ministério do Trabalho e Previdência, que integrou o Ministério da Economia, como secretaria, até agosto deste ano. O evento, de forma presencial, observados os protocolos sanitários, também foi transmitido online. O vídeo pode ser acessado pelo Canal Desenvolva. Cerimônia idêntica foi realizada no mesmo dia e hora nas capitais brasileiras.

Na solenidade de Brasília, as autoridades saudaram os agraciados sempre exaltando o valor do trabalho do servidor público. Na sequência, cada uma entregou aos premiados ligados a suas secretarias um certificado e uma placa. A abertura ficou a cargo do secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, que destacou a realização da Semana do Servidor, promovida pela Secretaria de Gestão Corporativa. Citou, também a 3ª Corrida do ME e as palestras educativas e motivacionais ministradas durante a semana. A premiação é, para ele, o ponto alto da Semana. E reforçou: “Os servidores fazem a diferença, deixam um legado à história deste país. Somos exemplo, a liderança e a força que move o Brasil”

Daniella Consentino, chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos do Ministério da Economia, afirmou ter tido um grande aprendizado no Ministério da Economia. Segundo ela, a Pasta tem um corpo técnico de excelência. Lembrou que os governos passam, mas os servidores permanecem carregando um legado de competência, dedicação e entrega. Também enalteceu ainda o trabalho das mulheres no serviço público.

Ricardo Soriano, procurador-geral da Fazenda Nacional, ressaltou que o nível técnico dos servidores públicos melhorou muito. “Eu tenho muito orgulho da minha casa profissional, a PGFN, onde o pessoal extrai o máximo dentro de todas as limitações”, exaltou.

O secretário do Orçamento Federal, Ariosto Culau, homenageou aqueles que optaram por servir ao público. “Admiro a entrega e o envolvimento de cada um todo dia”, disse, após fazer agradecimento especial aos servidores de sua Secretaria.

José Tostes Neto, secretário especial da Receita Federal do Brasil, diz que “ser servidor público é uma missão, antes se ser uma profissão. Ele é essencial para a sociedade”, destacou para em seguida agradecer o trabalho do servidor da RFB durante a pandemia, que ampliou o atendimento online, mas continuou atendendo presencialmente em todo o país.

Roberto Fendt Júnior, secretário especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais, afirmou que atuou no setor privado por toda sua vida profissional, mas nunca viu uma equipe tão boa como a que encontrou agora, no Ministério da Economia”.

O secretário especial adjunto de Desestatização, Investimento e Mercados, Pedro Maciel Capeluppi, destacou em especial o trabalho da Secretaria de Patrimônio da União, que cuida dos imóveis em todo o Brasil. “Aprendi demais aqui, pessoas tão diferentes que melhoram a vida das pessoas, é isso que fazemos aqui”, afirmou.

O secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade, Carlos Da Costa, agradeceu ao ministro Paulo Guedes pela oportunidade que lhe deu de conhecer o serviço público: “Agradeço aos colegas por debater tanto pelo bem do país, agradeço aos servidores que agregaram tanto para construir o melhor para o Brasil, com um talento extraordinário, propósito e entrega”, disse.

Já Gleisson Rubin, secretário especial adjunto de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, destacou os resultados que sua Secretaria vem obtendo especialmente na área de transformação digital. São 1.500 serviços disponíveis no GOV.BR em pouco mais de mil dias de governo, o que dá uma média três novos serviços a cada dois dias”. Falou também do TransformaGov, o Programa de Gestão Estratégica e Transformação do Estado que vem modernizando os órgãos integrantes da Administração Pública Federal. E finalizou: “Se conhece a árvore pelos frutos, pelo resultado, e temos muito para mostrar”.

Martha Seillier, secretária especial do Programa de Parcerias e Investimentos, falou sobre os benefícios e o reconhecimento que o setor privado oferece se comparado ao setor público: “Trabalhamos sem incentivos, sem reconhecimento, mas temos compromisso e entrega aos 210 milhões de brasileiros que precisam de nós. A resiliência nos define, temos senso de propósito, de missão e entrega”, afirmou.

Na última fala, o secretário-executivo de Trabalho e Previdência, Bruno Dalcomo, afirmou “o nosso servidor entregou ao cidadão brasileiro o maior programa de preservação de emprego e renda do país, durante a pandemia”. Prosseguiu afirmando que “temos no Ministério do Trabalho umas 20 pessoas que vieram de fora para contribuir. Mas quem realmente faz tudo, e no Brasil todo, são as mais de 10 mil pessoas que já estavam aqui”.

Para representar os premiados , Maria Peres Poty, servidora de 70 anos, da Secretaria de Gestão Corporativa, que recebeu o Jubileu Prata contou o que representa o prêmio para ela: “É o reconhecimento de tudo que aprendi para chegar até aqui, e valeu a pena”.

Ideias Inovadoras

Os oito projetos inovadores que receberam o troféu ao final do evento, são estes:

1º lugar – ALF VCP TV – Mídia Televisiva – Receita Federal – Aeroporto de Viracopos – SP

2º Lugar – Painel de Avaliação da Execução Orçamentária e Financeira do Ministério da Economia – Secretaria de Gestão Corporativa – Brasília – DF

3º lugar – Ranking de Qualidade da Informação Contábil e Fiscal no Siconfi – Secretaria do Tesouro e Orçamento – Brasília -DF

4º lugar – Laboratório de Jurimetria e Inovação – PGFN – Brasília- DF

5º Lugar – Conjunto de Guias para os Usuários de Processo de Investigação de Defesa Comercial e Interesse Público – SECEX – Brasília – DF

6º Lugar – Benefício Emergencial de |Preservação de Emprego e Renda – Ministério do Trabalho e Previdência – Brasília- DF

7º Lugar – Sistema de Depuração de Dados de Importação – SECEX – Brasília – DF

8º Lugar – Sistema Digital de Gestão por Resultados – SEPEC – Brasília – DF

Fonte: Ministério da Economia

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp