Em Santa Catarina, 23 km de pistas restauradas oferecem mais segurança aos usuários da BR-282/SC

Trecho entre os municípios de Irani e Ponte Serrada recebeu serviços de fresagem e aplicação de nova camada asfáltica

A conclusão e liberação ao tráfego da restauração do pavimento de um trecho de 23 quilômetros da BR-282/SC, no Meio-Oeste de Santa Catarina, trouxe mais segurança e melhorias na trafegabilidade para a região. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) investiu mais de R$ 25,3 milhões em serviços de fresagem e aplicação de nova camada asfáltica no segmento que vai do km 437 ao km 460 da rodovia, abrangendo os municípios de Irani e Ponte Serrada.

O trecho também recebeu obras de drenagem e nova sinalização horizontal e vertical. O segmento restaurado está localizado nas proximidades do popular “trevão do Irani”, onde a BR-282/SC encontra a BR-153/SC (Trasbrasiliana), formando um importante ponto logístico do estado.

IMPORTÂNCIA – A BR-282/SC é um dos principais corredores logísticos de Santa Catarina, cruzando o estado de leste a oeste em uma extensão de mais de 600 quilômetros.

A rodovia é utilizada para transporte de cargas e deslocamento de pessoas, ligando a Grande Florianópolis, à serra catarinense e ao Grande Oeste do estado. Desta forma, a restauração do pavimento beneficia ainda as cidades do entorno, uma vez que o traçado atravessa região turística e integra o corredor do Mercosul.

Fonte: Dnit

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp