Pavimentação e reconstrução do “meião” da BR-319/AM recebe licença prévia do Ibama

Rodovia faz a ligação terrestre entre Manaus e Porto Velho. Com a autorização, governo vai solicitar o documento para instalação da obra

O trecho de 405 quilômetros da BR-319/AM, conhecimento como “trecho do meião”, recebeu nesta quinta-feira (28) a licença prévia ambiental para as obras de reconstrução e pavimentação. Emitida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), o documento aprova os estudos e viabilidade ambiental das obras.

O próximo passo é a licença de instalação, que permitirá a contratação da obra, de acordo com as especificações constantes nos planos, programas e projetos aprovados pelo Ibama. A BR-319/AM é a única ligação rodoviária entre Manaus, capital do Amazonas, e Porto Velho, capital de Rondônia. A integração rodoviária vai beneficiar moradores dos municípios de Beruri, Borba, Tapauá, Canutama, Manicoré e Humaitá que contam somente com transportes aéreo e fluvial.

A rodovia

Equipes técnicas do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) trabalham para garantir maior trafegabilidade da BR-319. Sobre a pavimentação e reconstrução de 52 quilômetros no lote C (conhecido como Lote Charlie), as obras do segmento já foram contratadas e, neste momento, o projeto está em elaboração por parte do consórcio vencedor.

*Com informações da Coordenação-Geral de Comunicação do DNIT

Fonte: Ministério da Infraestrutura | Foto: DNIT

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp